fbpx

Reserva de emergência: tudo o que você precisa saber para ficar longe de ciladas financeiras

No início da pandemia, em 2020, um dos primeiros setores afetados pela crise foi a economia. Muitas pessoas tiveram as finanças atingidas de forma drástica e precisaram rever o orçamento do dia para a noite. Contudo, quem tinha uma reserva de emergência conseguiu segurar as pontas e se organizar para passar pelo momento de dificuldade com mais tranquilidade.

Por isso, dizemos que a reserva de emergência é um ponto de extrema importância no orçamento. Caso você ainda não tenha a sua reserva estruturada, agora é o momento para começar! 

O que é uma reserva de emergência

Como o próprio nome já diz, a reserva de emergência é uma reserva de dinheiro que só deve ser utilizada em casos de emergência. Apesar de parecer algo simples, a grande maioria da população brasileira não possui nenhum dinheiro guardado e, em casos de urgência, não pode recorrer às próprias economias. 

De acordo com o Banco Mundial, o Brasil tem um dos menores índices de poupança do mundo. Uma pesquisa realizada em 2017 demonstrou que apenas 27,97% dos brasileiros haviam guardado alguma quantia em dinheiro nos 12 meses anteriores.

Como consequência da falta de conhecimento financeiro e de gestão do próprio dinheiro, em casos de emergência, os cidadãos ficam reféns de empréstimos. Em 2020, mais de 6 milhões de brasileiros entraram com pedidos de empréstimos. E quando os juros compostos entram em cena, o valor da dívida pode aumentar ainda mais. 

É muito comum haver confusões sobre o que são emergências financeiras ou não. Por isso, fizemos uma lista de itens que normalmente são confundidos com emergências, mas que não são:

  • Cursos;
  • Dar entrada em um imóvel;
  • Trocar o celular; 
  • Fazer uma reforma.

Todos os itens acima podem ser considerados metas! Dessa forma, podem ser planejados financeiramente para serem conquistados. Emergências são situações sobre as quais não é possível ter controle, como por exemplo:

  • Carro quebrado;
  • Tratamento médico urgente;
  • Reparos emergenciais na casa, como cano estourado ou problema na fiação;
  • Perder o emprego.

Conseguiu perceber a diferença entre elas? A reserva de emergência serve para te ajudar em situações como as citadas acima, quando você não pode prever que algo irá acontecer e nem se planejar para conquistar.

Quanto dinheiro é preciso ter em uma reserva de emergência

A resposta para essa pergunta é uma só: depende! Isso porque o custo de vida de cada pessoa é diferente. De acordo com especialistas, o ideal é contar com, pelo menos, o equivalente a seis meses do seu custo de vida. 

Nessa conta é preciso englobar as despesas essenciais como aluguel, contas fixas e alimentação. Além disso, também é bom incluir os gastos extras, como lazer, educação, entre outros. Portanto, para descobrir quanto você deve guardar, você precisa fazer o cálculo do quanto você gasta mensalmente com todos esses pontos. 

Dessa forma, você consegue ter uma base do quanto precisa guardar e quanto precisa economizar todos os meses para chegar nessa quantia o mais rápido possível. Uma reserva de emergência bem estruturada é a melhor forma de garantir a sua segurança financeira. 

Reserva de emergência

Como começar a guardar dinheiro

Antes de iniciar a reserva de emergência, o ideal é quitar todas as pendências financeiras. Caso você tenha dívidas abertas, você pode negociá-las com a Pherfiltec para fazer o pagamento de uma forma que não comprometa o seu orçamento mensal e nem a meta de iniciar a sua reserva financeira!

Depois disso, você pode seguir os seguintes passos:

  1. Descubra o valor do seu custo de vida mensal;
  2. Faça o cálculo do quanto você pode economizar todos os meses para atingir o seu objetivo;
  3. Procure o melhor investimento para deixar a sua reserva de emergência;
  4. Faça renda extra para alcançar a sua meta mais rápido;
  5. Guarde o valor planejado todos os meses (dica: trate a sua reserva de emergência como uma conta que deve ser paga! Caso contrário, você pode acabar gastando o dinheiro).

Por fim, aproveite a segurança de ter uma reserva de emergência! E lembre-se: você sempre pode continuar aumentando a sua reserva. Afinal, quanto mais dinheiro investido, mais seguro você estará, caso precise utilizá-lo. 

Compartilhe:

Mais posts

Economizar em despesas mensais

Como economizar em despesas mensais: 4 dicas da Pherfiltec para você!

Um dos maiores desafios quando se trata de finanças pessoais é descobrir maneiras de gastar menos dinheiro. Uma das melhores maneiras de fazer isso é economizar em despesas mensais. Mesmo que algumas de nossas contas essenciais pareçam pequenas, elas têm um efeito cumulativo que pode ser enorme.  Para minimizar os impactos das contas mensais, muitas

aplicativos para economizar dinheiro

Conheça os melhores aplicativos para economizar dinheiro

Que o melhor caminho para manter uma vida financeira saudável é organizar o orçamento e manter os gastos sob controle, nós já falamos por aqui. E podemos apostar que você também já sabe que, para isso, economizar é sempre uma boa saída! Mas você sabia que existem aplicativos que te ajudam nessa missão? Atualmente, há

Dívidas

Como se livrar das dívidas: dicas práticas para limpar o nome

Se você tem visto as suas dívidas crescerem e não sabe como se livrar delas, não tome decisões precipitadas! Na ânsia para quitar as dívidas, muitas pessoas adotam medidas equivocadas e, acredite, acabam com mais contas para pagar… Por isso, continue acompanhando esse texto e descubra dicas práticas para limpar o nome! Uma coisa podemos

Como economizar dinheiro

Como economizar dinheiro em 3 passos simples!

Já estamos em junho e você está vendo o seu dinheiro voar mais rápido que os meses do ano? Então que tal conferir como economizar dinheiro em 3 passos simples? Com organização e pequenas mudanças de hábito, você pode deixar a sua vida financeira mais saudável e terminar o ano bem longe do vermelho! Continue

Rolar para cima