fbpx

Evite empréstimos: saiba como quitar dívidas sem precisar pagar juros

Você faz parte dos 4,6 milhões de endividados no Brasil que tem algum tipo de endividamento com instituições financeiras? O também chamado endividamento de risco, como sugere o nome, pode ser um problema sério e trazer muita dor de cabeça para a vida de uma pessoa. E, é justamente nesta situação, que é comum recorrer a um empréstimo para quitar dívidas. Mas será que é uma boa escolha? A resposta é não! E vamos explicar o por quê e formas diferentes de negociar a sua dívida neste texto. Boa leitura!

Apesar de parecer uma boa opção à primeira vista, o empréstimo bancário precisa ser bem estudado antes de fechar contrato. Em muitos casos, a pessoa com nome sujo não sabe exatamente quanto pagará de juros e acaba aumentando o valor do endividamento por não conseguir finalizar o pagamento.

Como evitar o nome sujo?

Antes de entender se vale a pena pegar empréstimo para quitar dívidas —, é preciso pensar os motivos que levaram àquela situação. Assim, é possível evitar que sua vida financeira chegue a esse ponto novamente.

Portanto, a melhor opção, nesse caso, é montar planejamento financeiro, com o objetivo de organizar as receitas e despesas mensais.

É importante ressaltar que até mesmo quem está com o nome sujo deve se planejar. Sendo assim, é importante organizar o pagamento dos débitos remanescentes e dar prioridade àqueles com taxas de juros maiores, já que acabam contribuindo significativamente para o aumento rápido do valor devido.

quitar dívidas

Como quitar dívidas sem depender de empréstimo?

Não existe uma fórmula mágica para renegociar suas dívidas e concluir se vale a pena pegar empréstimo para quitar dívidas. Entretanto, existem algumas dicas para evitar a inadimplência com os bancos.

Conheça os direitos do consumidor endividado

As instituições financeiras são, obrigadas por lei, a fornecer o contrato em operações de crédito, cabendo fixação de multa pela Justiça em caso de descumprimento. Logo, se você tem uma conta em um banco digital, uma grande tendência é a ausência deste contrato.

Portanto, é importante que você tome conhecimento desse contrato para saber o impacto dos atrasos em sua dívida: encargos, juros e multas.

Priorize o pagamento de dívidas com maiores valores

Como já mencionado, é um remédio amargo, mas é a melhor maneira de quitar dívida e sair do vermelho. Dê sempre prioridade de corte às prestações com os maiores juros e controle essa situação antes que os problemas fiquem maiores, já que com o nome sujo não é possível solicitar aumento de crédito para quitar os gastos.

Crie metas de economia para não ficar com nome sujo

A sobra orçamentária decorrente do realinhamento acima deve ser direcionada para amortizar suas dívidas. Com isso, metas financeiras anuais devem ser estipuladas para fins de redução periódica do saldo devedor.

Trocar dívidas mais caras por outras mais baratas

Caso haja oportunidades mais interessantes no mercado, faça a portabilidade de sua dívida ou contrate empréstimos mais baratos para pagar os de juros mais elevados.

Com um cenário de cheque especial com juros anuais de 306,9% a.a. e rotativo do cartão de crédito a 307,2% a.a., é mais interessante a quem se enrolou com esses empréstimos contrair um crédito no modelo CDC ou, melhor ainda, um consignado — que, a depender de seu perfil, pode ser menos de 30% a.a.

Dica essencial: Negociar dívida online

Consiga descontos em sites confiáveis. A Pherfiltec oferece soluções inovadoras para facilitar a quitação de dívidas, favorecendo a relação entre credores e consumidores. Você consegue resolver a sua dívida em apenas três passos simples:

  • Consultando o seu CPF de graça;
  • Em seguida, escolhendo a melhor proposta para o seu bolso;
  • Por fim, chegou a hora do pagamento: por boleto ou cartão de crédito.

Hoje, devedores de empresas como Riachuelo, Midway e revendedoras da AVON já conseguem a facilidade de negociar de forma rápida, com desconto e totalmente segura, podendo alcançar até descontos de 85% e saindo do vermelho! Clique aqui para saber mais.

Gostou dessas dicas para quitar dívidas sem depender de empréstimos? Além de fazer um planejamento financeiro, existem ainda outros meios que podem ser considerados antes de pegar um empréstimo:

  • Adotar temporariamente uma fonte de renda extra para aumentar o faturamento;
  • Vender bens, como carros e imóveis, que podem ajudar a quitar dívidas;
  • Refinanciar os valores devidos.

Para mais conteúdos como esse e dicas para se livrar do nome sujo e quitar dívidas, clique aqui e conheça o nosso blog.

Compartilhe:

Mais posts

Recuperar o crédito

Descubra como recuperar o crédito após limpar o nome

Estar com o nome sujo nos órgãos de proteção de crédito, como SPC e SERASA, pode ser uma grande dor de cabeça, mas também é uma situação passageira. Existem inúmeras formas de se organizar para limpar o nome e, assim, recuperar o crédito no mercado financeiro. Entretanto, a pergunta que muitos endividados se fazem é

Limpar o nome

Saia do vermelho: 5 dicas práticas para limpar o nome

A falta de conhecimento financeiro é um dos principais responsáveis pelo alto índice de endividamento no Brasil. De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o número de endividados no país é o maior em 11 anos. O descontrole no orçamento pode virar uma bola de

Score de crédito

Score de crédito: entenda o que é e os seus benefícios

Antigamente, a análise de crédito era baseada em critérios subjetivos e não havia padronização. Dessa forma, era praticamente impossível saber se o crédito de alguém seria aprovado ou não, pois a decisão dependia completamente de quem estava responsável pela análise. Então, para solucionar esse problema, o score de crédito foi criado. Se o termo ainda

Lockdown

Não deixe suas finanças entrarem em lockdown; Negocie suas dívidas online!

Um ano depois do início da pandemia e enfrentando uma nova alta expressiva no número de casos da Covid-19 no Brasil, alguns estados voltaram a anunciar o lockdown e medidas mais restritivas para tentar conter o avanço da doença. O cenário desafiador também vem causando impactos em outra área: as finanças dos brasileiros. A diminuição

Rolar para cima